31 de Outubro dia da Reforma Protestante. Temos o que comemorar?

Reflexão acerca do momento atual que atravessa a Igreja Brasileira

Descoberta traz menção mais antiga sobre Jerusalém da história

Peça de 2 mil anos contraria argumentos sobre ausência de registros fora da Bíblia

Jovem se converte após conversa de pastores sobre Deus em jogo de videogame

Não existe hora ou dia certo para testemunhar o amor de Deus.

Pastor abriga venezuelanos durante protesto em Pacaraima

"Foram 63 pessoas que acolhemos ao todo. A compaixão venceu o medo", afirmou.

Igreja cria “caixa de bênçãos” para doar alimentos aos necessitados e inspira solidariedade

A iniciativa ganhou repercussão recentemente após uma pessoa deixar um bilhete agradecendo a solidariedade.

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Dica de Leitura - No Altar da Idolatria Sexual


Graça e Paz a todos, continuando com nossas dicas de leitura, hoje trago o livro No Altar da idolatria Sexual de Steve Gallagher. O livro aborda a problemática do sexo nos dias atuais, aprofundando em vários vicios ligados ao sexo, como a masturbação e a pornografia de uma forma profunda e direta. Além de falar de vicios sexuais, o livro também traz a partir de metodos com repaldo biblicos e da experiência do autor que tem um ministério nos Estados Unidos chamado Pure Life, que trabalha na libertação de questões sexuais, (uma vez que o mesmo vivera 12 anos sob o julgo do pecado sexual). Métodos estes, que apresentam os passos para a libertação do individuo com relação à práticas sexuais ilicitas de acordo com a Palavra de Deus.
Recomendo esta leitura, pois nos dias atuais, o sexo se tornou banalizado, é comum vermos cenas de sexo em filmes, novelas e a internet facilita muito o acesso à pornografia, portanto hoje se tornou muito dificil termos uma vida sexual plena, baseada na Palavra de Deus, e este livro traz ensinamentos importantes sobre o assunto, além do testemunho do autor, sobre os sofrimentos que passou por ter uma vida sexual disregrada e a margem da biblia.

Ficha Técnica:

Livro: No Altar da idolatria Sexual
Gênero: Aconselhamento
Autor: Steve Gallagher
Editora: Graça Editorial
Página: 320
Formato:16x23cm
Peso: 350 g

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Dica de Leitura - Guia para o Jejum Equilibrado


Graça e Paz a todos, hoje, damos continuidade com nossas dicas de Leitura, o Livro que recomendo é o Guia para o jejum equilibrado de Kenneth E. Hagin. Este livro examina e  traz diversos ensinamentos sobre o jejum como as razões para jejuar, a duração ideal para o jejum, além de algumas alternativas no que diz respeito ao jejum. 
Afirmo aos irmãos e amigos, que este livro me ensinou de uma forma simples muitas coisas sobre o jejum, considero interessante principalmente para as pessoas que estão começando sua caminhada com Cristo, quando me converti e comecei a pratica do Jejum, achava que ela se resumia somente, a não se alimentar e não beber água durante um tempo, mas através deste livro, aprendi o significado do Jejum e a jejuar de forma correta, este é um Livro pequeno, portanto não será problema para aqueles que têm "preguiça" de ler, recomendo!!!!

Ficha Técnica


Livor: Guia para o jejum equilibrado

Gênero: Vida Cristã
Autor: Kenneth E. Hagin
Editora: Graça Editorial
Páginas: 64
Formato: 14x21cm
Peso: 128 g

Deus abençoe a todos!!!

Vinicius Freire

terça-feira, 29 de maio de 2012

Dicas de Leitura - A Igreja que abala o Mundo


Graça e Paz a todos! Como o objetivo do Ministério Nissí é evangelizar e fortalecer os cristãos, resolovi trazer umas boas dicas de leitura. Sou historiador por formação, devido a isso, tenho o hábito da leitura, recentemente, leio a biblia (algo que na minha opinião todo cristão deveria fazer), e livros de História, uma vez que sou professor dessa disciplina. Enfim, desde que me converti, no fim de 2008, tenho buscado leituras que tenham relação com a Palavra de Deus, li alguns livros devocionais como: Bom dia Espirito Santo e Bem vindo Espirito Santo do Pastor Benny Hinn, A Autoridade do Crente, Os Dons do Ministério, O Ministério do Profeta, O Dom da Profecia de Kenneth E. Hagin.
Mas o livro que gostaria de recomendar hoje, é A Igreja que abala o Mundo do Pastor Greg Laurie, este livro mostra o inicio do Ministério deste Pastor, no qual ele narra a experiência de revitalizar uma Igreja em decedência espiritual, oferecendo orientação e reflexão a partir de sua Igreja, cujos principios básicos foram colhidos do inicio da Igreja Primitiva.
Este livro, nos faz refletir sobre as práticas de muitas Igrejas, e nos faz ver em certo ponto, o quão longe estamos das práticas da Igreja Primitiva, posso afirmar com todas as letras, que ele descreve a Igreja segundo meu coração, leiam, vale a pena!



Ficha Técnica

Livro A Igreja que Abala o Mundo
- Autor(es): Greg Laurie
- Número de páginas: 200
- Formato: 23x16
- Editora: United Press


Deus abençoe a todos!!!
 Vinicius Freire

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Concurso Vamos ler a Bíblia


Graça e Paz a todos, há mais ou menos 2 anos quando eu estava navegando em alguns sites gospel, encontrei um concurso voltado para leitura Bíblica chamado Vamos Ler a Bíblia. O concurso funciona da seguinte maneira:  O site disponibiliza um calendário de leitura biblica,  no mes seguinte é realizada a prova acerca dos capitulos lidos, aproximadamente uma semana depois, sai o gabarito ou o resultado da prova. Os inscritos no concurso concorrem a premios mensais, ou seja por prova, e a premiação final que é:



Premiação para cada prova:

1º colocado: 01 Bíblia
2º colocado: 01 Livro Cristão
3º colocado: 01 DVD Cristão

 
Prêmio final: O candidato que obtiver mais pontos acumulados ao longo do Concurso ganhará uma viagem para Israel com tudo pago! (exceto gastos pessoais).

Nós indicamos o concurso, pois ele é uma ótima forma de influenciar a leitura biblica, dessa forma, seguindo o calendário do concurso, em um ano é possivel ler a biblia de Gênesis a Apocalipse, além da possibilidade de ganhar prêmios!!!

Acesse, inscreva-se, participe!! 

terça-feira, 22 de maio de 2012

Cristãos sírios falam sobre seus anseios, medos e dificuldades - Parte 2


A população de Homs, localizada na região central da Síria e principal reduto opositor ao governo do presidente Bashar Al Assad, é a que mais sofre com os confrontos entre rebeldes e as forças armadas

 Clique aqui e leia a 1a parte do artigo.

A situação em Homs é miserável, a cidade passa por muitas dificuldades. Segundo nossas fontes, mais de 80 por cento dos cristãos deixaram Homs e foram para  aldeias vizinhas e Damasco. Alguns pastores permanecem na cidade. Soubemos de uma igreja evangélica que foi atacada. Algumas igrejas ainda abrem nas manhãs de domingo para atender os fiéis, mas a maioria das pessoas não comparecem por causa da distância entre suas casas e a igreja e os poucos que moram mais próximos à igreja não têm meios de transporte adequado e seguro para ir ao culto.

"As pessoas que vivem próximas umas das outras se reúnem para orar. Homs é uma cidade fantasma e a situação das pessoas não é estável. Os cristãos que foram embora de Homs, souberam depois que suas casas foram invadidas e saqueadas. "
As escolas em Homs às vezes funcionam, às vezes não. A preocupação das pessoas é com a  segurança de seus filhos na escola, e principalmente no caminho à escola. "As pessoas da cidade não dispõem de recursos, nem mantimentos, isso torna a situação desesperadora", diz um cristão sírio.
A situação em uma pequena cidade está se tornando cada vez mais violenta. Os poucos cristãos que haviam ali já deixaram ou estão deixando o local porque tornou-se  uma zona de guerra. Em outra pequena cidade, porém, os cristãos não deixam de se reunir regularmente. Mas, segundo o pastor, a situação é tensa para a pequena minoria cristã, porque eles sabem que estão cercados por muçulmanos extremistas e de oposição.
Perseverança
Comparado com o que está acontecendo em outras cidades, a situação na capital Damasco é bastante estável. "Mas, ainda assim, as pessoas não saem de casa após o pôr do sol, a menos que seja para áreas conhecidas, seguras e de fácil acesso. Igrejas mantiveram os seus serviços e, as escolas estão funcionando bem, exceto às sextas-feiras. A situação financeira das pessoas piorou. Os pastores da capital tambem alegam que têm ocorrido sequestros e roubos, e que as pessoas estão vivendo com medo.
"Alguns cristãos, querem deixar o país, mas outros dizem que não há como fazê-lo. Eles dizem: 'nós nascemos e crescemos aqui, e aqui vamos ficar, não importa o que aconteça, mesmo que tenhamos que morrer' ".
Vários pastores compartilham o temor que muitos cristãos têm sobre uma possivel queda do governo do presidente Assad, o que pode piorar drasticamente a situação deles. Em geral os cristãos encontram força na sua fé e tentam manter sua atitude positiva confiando que Deus tem uma resposta e trará a paz à Síria novamente. "A igreja está orando sem cessar". Nós oramos muito e confiamos na poderosa mão de Deus", diz um dos pastores da capital.
Por favor, junte-se aos cristãos sírios em oração, ore pela paz do país. O que vai acontecer a seguir? Só Deus sabe a resposta, mas a igreja brasileira deve definitivamente se levantar e orar pelos cristãos sírios e por sua nação.

Fonte:  http://www.portasabertas.org.br/noticias/Artigos/2012/03/1454353/

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Cristãos sírios falam sobre seus anseios, medos e dificuldades


As revoltas na Síria tiveram início em março de 2011 juntamente com a onda de protestos populares que atingiu a maior parte dos países do mundo árabe, episódio comumente chamado de “primavera árabe”. Após um ano de violentas manifestações a Síria está entre os países cujo presidente não foi deposto e está à beira de uma guerra civil
Esta é a primeira parte do artigo em que cristãos sírios compartilham um pouco de seu dia a dia.
Oração. É isto o que os cristãos na Síria dizem que mais precisam. Após um ano de protestos e violência a situação ainda não melhorou. Toda a população da Síria está sofrendo por causa da violência em curso. Devido à atual situação de instabilidade em muitas cidades, as igrejas decidiram atuar apenas durante o dia e muitas só abrem aos domingos. Muitas escolas cristãs não funcionam às sextas-feiras, dia em que os muçulmanos vão às mesquitas e se reúnem para orar. O que parece atacar a maioria dos cristãos no país dilacerado pelas revoltas armadas é o medo.
Dependendo do lugar onde vivem os cristãos, a situação é diferente. Em Damasco, capital do país, as dificuldades são bem menores do que, por exemplo, em  Homs cidade onde estão instalados os grupos rebeldes e de onde muitas pessoas fugiram. Em algumas cidades os cristãos têm de conviver com sequestros, roubos, falta de combustível e eletricidade, uma economia debilitada e um alto índice de desemprego. Devido à situação difícil e o perigo de uma iminente guerra civil muitos cristãos desejam abandonar o país.
O líder de uma igreja em uma das maiores cidades da Síria, diz: "A situação é ruim. Há morte e sequestros na estrada. O principal alvo dos sequestradores são as crianças, por isso alguns pais deixaram de enviar seus filhos à escola. Muitos carros particulares são roubados e há muito roubo de combustível também", ele então resume a situação em sua cidade. "Sei de alguns cristãos que transferiram seus bens para diferentes países, poucas famílias emigraram, mas muitos estão trabalhando para encontrar uma maneira de sair do país. O grande problema é que as pessoas estão vivendo com medo. Medo do desconhecido, medo por causa da situação atual. Os cristãos sentem medo inclusive pelo fato de serem minoria e não saberem o que esperar do futuro."
Na mesma cidade, o líder de outra igreja diz: "Estamos indo muito bem" Ele diz que as pessoas preferem ficar dentro de suas casas na sexta-feira. Nós nos reunimos para a adoração e as pessoas têm uma fé forte. Nós só temos aberto a igreja aos domingos e temos reuniões de oração nas casas ou na igreja durante a semana com as portas fechadas. O pastor alega que “não há ataques diretos contra os cristãos, mas não sabemos se as coisas mudarão e nem como seremos tratados quando as revoltas acabarem."
Além disso, ele diz: "Estamos acostumando com a situação. Estamos orando para que as coisas voltem ao normal. Minha filha está na faculdade e ficamos com tanto medo quando ela sai para estudar. Por um período de tempo era difícil deixá-la sair, agora está ficando mais fácil, não porque a situação melhorou, mas porque nos acostumamos e Deus está nos dando mais fé. O que podemos fazer? Deus é bom e Ele continua nos dando promessas de Sua palavra."

Fonte: http://www.portasabertas.org.br/noticias/Artigos/2012/03/1443553/

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Bairro cristão é atacado na Indonésia


Pessoas não identificadas atearam fogo em casas e carros. Dezenas de famílias fugiram de suas casas com medo de novos ataques. Os confrontos tiveram início no dia 14 de maio, durante as celebrações do herói nacional Thomas Matulessy. A possibilidade dos ataques serem de autoria de muçulmanos foi descartada pela Polícia



Pelo terceiro dia consecutivo, aconteceram ataques em Ambon (Ilhas Molucas), onde ontem à noite um grupo de pessoas não identificadas ateou fogo em casas e motos num bairro predominantemente cristão. Testemunhas afirmam que dezenas de famílias fugiram de suas casas por medo de novos ataques. Muitos temem o envolvimento de grupos extremistas islâmicos.

A violência começou na segunda-feira (14) durante o Pattimura Day, evento que celebra na Indonésia, o herói nacional Thomas Matulessy (1783-1817) que nasceu em Ambon.
Durante a noite um grupo de homens atacou cristãos que participavam de uma vigília na vila Saparua. Nos confrontos 44 pessoas ficaram feridas. Na terça-feira (15), o general Saud Usman Nasution disse que a violência foi deliberadamente provocada por pessoas próximas aos movimentos radicais, mas descartou o envolvimento de terroristas islâmicos.
Entre 1999 e 2001 uma sangrenta guerra entre cristãos e muçulmanos foi travada nas ilhas Molucas. Milhares de pessoas foram vitimadas, centenas de igrejas e mesquitas destruídas, milhares de casas derrubadas e o conflito gerou quase meio milhão de refugiados.
Em fevereiro de 2002 uma trégua entre as duas frentes das áreas cristãs e muçulmanas - assinado em Malino, Sulawesi sul, interrompeu a violência através de um plano de paz promovido pelo governo.
Fonte:  http://www.portasabertas.org.br/noticias/2012/05/1542081/

quinta-feira, 17 de maio de 2012

SALVAÇÃO



O tema central do evangelho de Cristo é a Salvação. A salvação é uma figura de linguagem de ampla aplicação que expressa a idéia de resgate da perdição e da miséria para um estado da segurança. O evangellho proclama que o mesmo Deus, que salvou Israel de Egito, Jonas da barriga do peixe, o salmista da morte, e os soldados de naufragar (Exodos 15:2; Jonas 2:9; Salmos 116:6; Atos 27:31), é o Deus que salva do pecado e das consequências do pecado para todo aquele que confiar em Cristo. Assim como estes livramentos foram feitos exclusivamente por Deus, e não são exemplos de pessoas salvando-se a si mesmas com a ajuda de Deus, assim é a salvação do pecado e da morte. “Pois pela graça de Deus vocês são salvos por meio da fé. Isso não vem de vocês, mas é um presente dado por Deus.” (Efésios 2:8). “A salvação vem de Deus, o SENHOR!” (Jonas 2:9).
Do que os crentes são salvos? São salvos da ira de Deus, do domínio do pecado, e do poder da morte (Romanos 1:18; 3:9; 5:21); de sua condição natural de ser dominado pelo mundo, pela carne, e pelo diabo (João 8:23-24; Romanos. 8:7-8; 1 João 5:19); dos medos que uma vida pecadora gera (Romanos 8:15; 2 Timóteo 1:7; Hebreus 2:14-15), e de muitos hábitos e vícios que fazem parte da vida (Efésios 4:17-24; 1 Ts. 4:3-8; Tito 2:11 –3:6).
Como os crentes são salvos destas coisas? Através de Cristo, e em Cristo. O Pai é tão interessado em exaltar o Filho como Ele é em resgatar o perdido (João 5:19-23; Filipenses. 2:9-11; Colossenses 1:15-18; Hebreus 1:4-14). É fato dizer que os eleitos foram escolhidos para Cristo, o Filho Amado, assim como Cristo foi escolhido para os eleitos amados (Mateus 3:17; 17:5; Colossenses 1:13; 3:12; 1 Pedro 1:20; 1 João 4:9-10).
Nossa salvação envolve primeiro, a morte de Cristo por nós, segundo, Cristo vivendo em nós (João 15:4; 17:26; Colossenses 1:27) e nós vivendo em Cristo, unidos com Ele em Sua morte e ressureição (Romanos 6:3-10; Colossenses 2:12, 20; 3:1). Esta união vital, que é sustentada pelo Espírito, do lado divino, e pela fé, do nosso lado, é formada através do nosso novo nascimento, e pressupõe uma aliança no sentido de nossa eleição eterna em Cristo (Efésios 1:4-6). Jesus foi designado antes da fundação do mundo para ser nosso representando carregando os nossos pecados sobre seus ombros (1 Pedro 1:18-20; cf. Mateus 1:21), e nós fomos escolhidos para ser efetivamente chamados, conforme a Sua imagem, e glorificado pelo poder do Espírito (Romanos 8:11, 29-30).
Os crentes são salvos do pecado e da morte, mas para que ele são salvos? Para viver eternamente o amor de Deus — Pai, Filho, e Espírito. A fonte de amor para com Deus vem da redenção do amor de Deus por nós, e a evidência deste amor para com Deus é amor ao próximo (1 João 4:19-21). A finalidade de Deus, agora e daqui por diante, é continuar expressando seu amor em Cristo conosco, e nosso objetivo deve ser continuar expressando nosso amor às três Pessoas de Deus, adorando-O e servindo-o em Cristo. Uma vida de amor e de adoração é a nossa esperança da glória, nossa salvação presente, e nossa felicidade para sempre. Este artigo foi extraído do Concise Theology: A Guide to Historic Christian Beliefs by J. I. Packer.

Fonte: Bíblia Ilumina Gold

terça-feira, 15 de maio de 2012

Cumprindo o chamado de Deus

"Naquele dia, diz o SENHOR dos Exércitos, tomar-te-ei, ó Zorobabel, servo meu, filho de Sealtiel, diz o SENHOR, e far-te-ei como um anel de selar; porque te escolhi, diz o SENHOR dos Exércitos." Ageu 2 :23
Nesta passagem descrita no livro de Ageu, Deus fala com Zorobabel, então governador de Judá, que faria dele um anel de selar, um anel selo é um anel que contém a insignia, ou o  simbolo do rei, usado para selar cartas ou leis, mostrando qual era a vontade do Rei, portanto, Deus fala para Zorobabel, que iria usá - lo para fazer cumprir a vontade de Deus.
Em nossa caminhada como cristãos, enfrentamos muitas dificuldades, e muitas duvidas aparecem, como por exemplo: Qual é a vontade de Deus pra minha vida?, Será que estou fazendo a vontade de Deus?,  Como faço pra ganhar a minha familia pra Jesus? Será que sou/estou apto pra fazer a vontade de Deus?
A resposta para essas questões é, Deus quer que você faça a obra dEle, e Ele nos capacita para isso!
Vocês já perceberam que para falar de Jesus, nós colocamos muitos empecilhos; 'não sei falar bme', 'não conheço suficiente a biblia', 'sou novo na fé', enfim, inventamos N desculpas, mas quando nos perguntam sobre um médico, indicamos um rapidamente, quando nos perguntam sobre um mercado para fazer compras, nós indicamos, mas para falarmos de Jesus, é uma dificuldade tremenda!
Vou mostrar a partir de passagens biblicas, que Deus só quer que nós estejamos dispostos para que Ele nos use.
Exôdo 4: 10,11,12 "Então disse Moisés ao SENHOR: Ah, meu Senhor! eu não sou homem eloqüente, nem de ontem nem de anteontem, nem ainda desde que tens falado ao teu servo; porque sou pesado de boca e pesado de língua. E disse-lhe o SENHOR: Quem fez a boca do homem? ou quem fez o mudo, ou o surdo, ou o que vê, ou o cego? Não sou eu, o SENHOR? Vai, pois, agora, e eu serei com a tua boca e te ensinarei o que hás de falar."
Deus chama  e comissiona Moisés a libertar o povo da escravidão no Egito, mas a primeira coisa que Moisés faz, é colocar um empecilho, olhando para sua condição e limitação, mas Deus responde a Moisés, que Deus deu a boca ao homem, portanto se Deus havia enviado Moisés Ele iria capacitá-lo para cumprir o objetivo de Deus, em 1 Samuel 3:4 diz: "O Senhor chamou  Samuel, e disse ele: Eis-me aqui." Quando Deus chama Samuel, ele ainda é uma criança, que não entendia muito das coisas do Senhor, mas ainda assim ele obedece ao chamado, e Deus o capacita para ser Juiz e profeta, em Juizes 6:15,16 " E ele lhe disse: Ai, Senhor meu, com que livrarei a Israel? Eis que a minha família é a mais pobre em Manassés, e eu o menor na casa de meu pai. E o SENHOR lhe disse: Porquanto eu hei de ser contigo, tu ferirás aos midianitas como se fossem um só homem." Gideão, o Juiz que derrotou os Midianitas, quando chamado por Deus, olhou primeiro para sua condição financeira, mas Deus diz a Gideão que mesmo sendo de uma familia sem condição financeira, ele feriria os Midianitas como um só Homem, e foi o que Gideão fez. 
 1 Samuel 17:33 " Porém Saul disse a Davi: Contra este filisteu não poderás ir para pelejar com ele; pois tu ainda és moço, e ele homem de guerra desde a sua mocidade. " Antes de Davi enfrentar o Gigante Golias, Davi foi levada a presença do então rei Saul, quando Saul viu Davi,  ele tentou convencê-lo, de não fazer enfrentar o filisteu, mas Davi não olhando para sua idade, nem para o tamanho do filisteu, mas sim para o tamanho do Deus de Israel, que lhe deu a vitória contra o filisteu, e depois o fez rei em lugar de Saul.
Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;
1 Coríntios 1:27
 1 Co 1:27 " Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para cnfundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes.", Tiago 1:22 - 25 " e sede cumpridores da palavra, não somente ouvintes, enganando-vos com falsos discursos. Porque, se alguem é ouvinte da palavra, e não cumpridor, é semelhante ao homem que contempla ao espelho seu rosto natural; porque se contempla a si mesmo, e vai-se, e logo se esquece de como era. Aquele, que porém,  que atenta bem para a lei perfeita da liberdade, e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecidiço, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no seu feito." Tiago 2:17 " Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma."
Portanto, Deus nos chama, nos comissiona, nos capacita a sermos cumpridores da Palavra de Deus, fazendo sua obra, não olhando para nossas limitações, nossas falhas, mas sim olhando para aquele que nos arregimentou, para que sejamos cumpridores da obra e da vontade de Deus, só assim daremos verdadeiro testemunho de Cristo, e ganharemos nossos familiares para Jesus, afinal: "Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue? E como pregarão, se não forem enviados? como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas." Romanos 10: 14,15.
 Deus abençoe a todos!
Vinicius Freire

terça-feira, 8 de maio de 2012

I Encontro do Ministério Nissí

Graça e Paz a todos, é com muita alegria, que posto hoje as fotos do I Encontro do Ministério Nissí, que trabalhou através de slides, três aspectos da nossa vida Cristã, fora da Igreja, dentro da Igreja, e com relação da obra de Deus, o encontro aconteceu na Igreja Internacional da Graça de Deus de Altaneira, e contou com a presença de membros e líderes da IIGD de Altaneira, Igreja Evangélica Assembléia de Deus Impactando as Nações e Assembléia de Deus templo Central.
O encontro que tinha como tema; "O Avivamento traz mudança, ou a mudança traz o avivamento?", o tema foi debatido, com imagens retiradas da Internet, fazendo relação com a Biblia, através de reflexões sobre o comportamento cristão, em alguns lugares e ocasiões, o principal objetivo do encontro era a edificação do Corpo de Cristo.
Abaixo fotos do Encontro:












































 

Consagração do Ministério Nissí




Graça e Paz a todos, no ultimo dia 15 de Novembro, Foi realizada mais uma reunião do Ministério Nissí, nesta reunião foi consagrada e empossada a diretoria do Ministério.  Iniciada a reunião, a palavra ficou a cargo do presidente do Ministério, Vinicius Freire, a mensagem foi baseada em 2 Reis 5: 9-14, passagem esta que conta a cura miraculosa de Naamã, realizada por Deus através do profeta Eliseu, mas a ênfase da mensagem foi dada na figura do profeta Eliseu, de como aquele homem andava na presença do Senhor, e como ele obedeceu a Deus, ao enviar Naamã para se banhar no rio Jordão.  Eliseu obedeceu ao Senhor, mesmo parecendo loucura, ou mesmo uma coisa simples o profeta não teve duvida e obedeceu crendo no que o Senhor havia falado. Depois lemos João 20:31, que nos assevera que crendo em Jesus nós temos vida, portanto, nEle nós podemos operar como Eliseu operou,  encerrando a mensagem, lemos Mateus 12:50, quando Jesus é avisado que sua família o esperava e queria falar com ele, na sequencia Jesus  fala que aquele que fizer a vontade de Deus é que é seu pai, sua mãe e seu irmão, ou seja faz parte da família de Cristo.
Após a Ministração da Palavra, o Pr. Oliveira, pastor da Igreja Internacional da Graça de Deus, ungiu a liderança do Ministério Nissí, terminando a reunião com um Louvor entoado pela Obreira da IIGD, Vanessa Martins.
A diretoria do Ministério Nissí, ficou disposta da seguinte forma:
Presidente – Vinicius Freire
Vice- Presidente – Brigida Sauana
Secretária/Tesoureira – Leildes Cidrão
Obreiras: Adriana Correia e Emanuelle Juliana
Para saber mais sobre o Ministério Nissí venha para uma de nossas reuniões, que ocorrem todas às terças a partir das 19:00HS, no calçadão da praça Manoel Pinheiro de Almeida, ou veja o link abaixo:
  
Fotos da reunião de consagração 































Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...