terça-feira, 19 de agosto de 2014

“Escolhi Esperar” será tema de filme e série para internet

Movimento de jovens que optaram pela virgindade chega às telas
por Jarbas Aragão



O movimento “Eu Escolhi Esperar” (EEE) ensina e estimula a abstinência sexual antes do casamento. Fundada por evangélicos, tem recebido adesões de muitas comunidades católicas pelo país. Já conta com alguns famosos entre seus membros, como o zagueiro da seleção David Luiz.
“Eu Escolhi Te Esperar” é o nome de uma série online e o projeto de um filme que procura mostrar de maneira ficcional como é a vivência dos que fizeram essa opção. É produzido pela Purpose Films, cujos donos são evangélicos, em parceria com a Academiade Artes Poema; será dirigida por Maurício Bettini, 32.
O enredo mostra a vida de seis jovens que lidam com “as complicações e dificuldades de falar sobre sexo e virgindade”, conta o diretor. Estre os protagonistas estão Lucas Lima, 24, e Larissa Felix, 18, que são membros do movimento e permanecem virgens. “Sexo não é algo banalizado, algo para me divertir. É coisa séria, para fazer com a pessoa que Deus separou pra mim, dentro de ambiente seguro”, afirma o ator Lucas. Larissa defende-se: “A gente pode ser chamado de louco. Nossa, nada a ver!”
Segundo seus coordenadores, o EEE já reúne 2,5 milhões de “simpatizantes” nas redes sociais, sendo que 208 mil são considerados “participantes ativos”. Trazido pelo Brasil pelo pastor Nelson Júnior, 38, é inspirado no movimento “True Love Waits”, surgido nos EUA na década de 1990.
Nelson conta que casou virgem, aos 21 anos, mesmo enfrentando cobranças do pai, que por não ser cristão, questionava sua masculinidade. Ele estima que 75% dos que participam da campanha tem entre 17 e 27 anos. Embora muitos já tenham tido alguma experiência sexual, hoje defendem a abstinência. Famílias desestruturadas e adolescentes grávidas estão entre os males citados como consequência de uma cultura tão erotizada quanto a nossa.
“Acho que finalmente a banalização dos relacionamentos está fora de moda e as pessoas estão percebendo que o grande negócio é viver relacionamentos de verdade. Com a série queremos tornar ainda mais latente a ideia de que vale muito a pena esperar pelo verdadeiro amor”, declarou o diretor Maurício.
A produção do filme/websérie foi inspirada em comédias românticas e séries americanas. Em geral elas mostram a vida de adolescentes no colégio e a rotina de famílias em casa. Ambientada em São Paulo, sua trilha será composta por músicas próprias, cantadas por alguns dos protagonistas.
Apostando em uma divulgação através da internet, o formato webserie corta custos e oferece a facilidade de o público-alvo poder acessar os vídeos em qualquer lugar e assistir no horário em que preferir. O primeiro episódio vai ao ar dia 18 de agosto e pode ser acompanhado pelo canal oficial no Youtube e pela página do Facebook.
Ao falar sobre o filme, que ainda não tem data para estrear, o diretor comemora: “Posso dizer que ele é o filme que representa o movimento, que tem a cara da juventude que segue esses propósitos. Além disso minha vida é uma vida de espera em Deus, eu entreguei minha vida e meus caminhos a Ele e sei bem sobre o tema esperar em Deus… É um filme para a juventude, para quem já espera e para quem nunca ouviu falar nisso. É um projeto inédito, desafiador e que tenho certeza que quando pronto irá cumprir com seu proposito de alcançar vidas”. Com informações Folha de SPCine Cristão e Dica de Teatro.
Fonte: Gospel Prime

0 comentários

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...